bèrro sucinto via e-mail (feed):

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

eus

Às vezes um de meus eus
quer azedar os outros,
quando todos os outros parecem ter ido a passeio.

Entram sopros carregados de sensações.
Ventam apenas meus sentidos
e enchem o que esvaziou,
e sabe-se lá o motivo de ter esvaziado!

É que às vezes me ponho a pensar apenas pelos atos e não pelos fatos.

Os atos comandam meu caminho por instantes,
e estes microtempos parecem me encantar.
Até que outros meus eus, que por segundos foram soprados,
voltam como furacão.

Mais vale pensar com minhas razões e meus corações.
Estes não espelham-se em pequenos instantes e sentidos,
mas refletem os meus melhores eus.

Nenhum comentário: