bèrro sucinto via e-mail (feed):

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Tio Celso

Tenho um tio caduco
vive falando loucura
mas nunca da própria.

Às vezes ele se queixa
ao telefone comigo
que seus pertences somem,
como se fossem além.

Do meio de sua ilusão
dos seus pensamentos caducos
ele me deu um susto
com sua percepção.

- Betinho,
  há coisas minhas sumindo,
  tudo o que tenho está indo,
  e um dia eu sumo também.

Nenhum comentário: