bèrro sucinto via e-mail (feed):

domingo, 3 de abril de 2011

ar

Dependo de algumas cheiradas
que a todo o tempo inalo
e me cobram em vida
que sua ausência
é morte.


Nenhum comentário: