bèrro sucinto via e-mail (feed):

sábado, 1 de setembro de 2012

Ensaudecida

Quando se está há poucos minutos
de matar a saudade
ela se mistura com ansiedade,
que ensandecida
suicida-se quando você chegar.


Quando você chega
ela se mata, se joga do prédio,
se enforca,
mas do chão ela cresce,
das cinzas renasce
se você sai fora.


Por isso vá, mas volte
minha assassina preferida
que teu crime na minha moral
é infração permitida


demore um pouco
que eu já sinto sua falta
minha bandida
mate a saudade, suicida,
ensandecida, ensaudecida...

Um comentário:

Sorraine disse...

Entrou pra minha lista dos 'top berros' hahahaha AMEI!
Te amo!
Da sua assassina e bandida.