bèrro sucinto via e-mail (feed):

segunda-feira, 16 de maio de 2011

achar, acreditar, deus e amor



Acho que nós inventamos deus,
para explicar o que não entendemos.
Acredito que nós sentimos o Amor,
para entender o que não explicamos.

Nenhum comentário: